Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Picos da Europa - Bulnes (Mini GR-203)

por darasola, em 11.12.12

Para terminar a parte dos relatos das caminhadas nos Picos da Europa, fica aqui a descrição da visita à aldeia de Bulnes. Esta é uma localidade que esteve praticamente isolada da "civilização" (se é que se pode dizer assim) até 2001. Com efeito, o único acesso à aldeia fazia-se a pé desde Poncebos (onde termina/acaba a Ruta del Cares) por um trilho sinuoso (GR-203) e de relevo acentuado com uma duração média de 1h15 min. Convenhamos que não era pêra doce ir à padaria comprar pão. Felizmente (ou infelizmente), o governo espanhol decidiu proporcionar um acesso digno desse nome, escavando um túnel que rasga as entranhas da montanha ao longo de 2 227 m, com um desnível de 402 m e uma inclinação de 18,19% (obrigado Wikipedia). A viagem faz-se de funicular, quase como se fosse um metro de montanha. O preço é bastante inflacionado para turistas (cerca de 20€ - ida e volta). Note-se que até à sua criação, a aldeia não possuía qualquer veículo motorizado, sendo que com o funicular foram transportados alguns tratores agrícolas, que permitem o transporte de mercadorias e auxílio às tarefas dos campos. Chegados ao topo, resta-nos percorrer uma parte do trilho de acesso à aldeia, que nos leva à "La Villa", a parte inferior da aldeia e seguir até ao "Barrio del Castillo", a parte superior da mesma. As paisagens que a rodeia são fantásticas e o local é bastante pitoresco, no entanto vê-se que está convertido à exploração do turismo, com vários estabelecimentos para comida e dormida. Ninguém os pode censurar, já que apesar do progresso, calculo que não será nada fácil viver ali todo o ano. Ficam as fotos desta pequena caminhada, que foi mais um passeio.

Entrada da estação do Funicular por onde corria um vento gélido que vinha das entranhas da montanha.

O funicular / metro.

Going up!

Painel informativo I

Painel informativo II, com as referências aos trilhos que ali passam.

Sinalética do GR.

O acesso à aldeia.

Paisagem circundante.

A 1ª vista do casario.

Fuente de la Villa

Esplanadas junto ao ribeiro

E esta, hein? Nunca me tinha passado pela cabeça que umas botas também podiam servir para isto.

E outras ainda...

Ruela pelo centro da aldeia de baixo.

Caminho até ao "Barrio del Castillo"

Perspetiva sobre o vale por onde chegámos.

Chegada a El Castillo.

Lá em baixo, na construção mais acima, fica a saída do funicular.

O bode e o prado.

Fantástico prado!

Construção local.

Do alto do bairro El Castillo, pode ver-se o vale por onde era o antigo acesso à aldeia até Poncebos.

Uma pequena capela.

E o seu (escuro) interior.

No regresso, nova passagem pela parte inferior da aldeia até ao funicular.

Como referi, não foi bem uma caminhada, mas antes um passeio. Seria muito mais engraçado fazer o trilho desde Poncebos até aqui, mas depois de percorrer nesse dia a Ruta del Cares, e com o tempo contado para apanhar o autocarro de regresso, esta visita à aldeia foi bem agradável.

Boas caminhadas

darasola

Autoria e outros dados (tags, etc)


4 comentários

Sem imagem de perfil

De palmilheiro a 13.12.2012 às 23:08

Olá

tenho estado bastante entretido a navegar pelo seu Blog, está muito bom. tem muita informação, imagens, dados importantes sobre os percursos. Já conheço o blog há alguns anos mas esta é a primeira mensagem que envio, creio que o blog melhorou bastante com os acrescentos que fez.

Obrigado.

Sem imagem de perfil

De Oriana da Costa Brás a 07.08.2013 às 12:14

Bom Dia,

descobri o Vosso site enquanto procurava por informação das rotas pedestres nos picos da Europa. Infelizmente não estou a conseguir encontrar muita informação :( ou não estou a procurar nos locais certos :( será que me podem indicar algum site que tenha todas as rotas possíveis (PR) para poder pesquisar e conhecer melhor este local que me parece sr pelas Vossas descrições simplesmente maravilhoso!!

Obrigado
Sem imagem de perfil

De Luis Mourinho Videira a 12.09.2016 às 21:16

Agradeço imenso o seu post pois está facilitar-me a vida na medida que quero ir a Bulnes em junho de 2017. Poderá dizer-me pf qual a distância entre a saída do funicular e da aldeia de Bulnes. Já estou a ficar velhote e caminhar faz bem a quem pode. Obrigado e bem haja.
Luis Videira
Sem imagem de perfil

De MIGUEL a 29.04.2017 às 14:46

Estive lá esta semana. De Poncebos a bulnes pelo funicular são cerca de 7 minutos. Tem estacionamento mesmo ao pé de Poncebos.Da estação de bulnes até á aldeia são uns 200 ou 300 metros. O melhor é mesmo fazer o trajecto todo a pé,pq tem uma paisagem maravilhosa e sentimos um pouco do que aquela gente passava qd tinha de vir comprar pão!...

Comentar post



Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Instagram


Siga o darasola no Instagram

Instagram

Copyrights

A reprodução de todo ou qualquer texto, fotografia ou conteúdo é expressamente PROIBIDA sem autorização por escrito do autor. A reprodução não autorizada é punida por lei. O eventual uso de conteúdos deste blog deve ser SEMPRE acompanhado da referência ao mesmo (de preferência com link). Para contacto: dar.a.sola@sapo.pt

Facebook



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D