Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Sendeiro dos Moinhos da Barosa - Galiza

por darasola, em 09.04.16

As cascatas do rio Barosa situam-se entre Pontevedra e Caldas de Reis. É um local de que já tinha ouvido falar por diversas ocasiões, por associação ao tema do Caminho de Santiago português, pois o local fica muito próximo do percurso. Nunca tinha tido oportunidade de conhecer este local durante as várias idas a Santiago, por isso aproveitei umas mini-férias para ir à descoberta do parque da natureza do rio Barosa. Sabia também que existia por lá um pequeno trilho marcado - o PR-G 105 Sendeiro dos Muíños da Barosa - que permite explorar um pouco mais as margens do rio Barosa. O destaque do local vai sem dúvida para a enorme queda de água junto ao início do percurso, onde as pessoas se deliciam nos dias de verão com as águas refrescantes. A parte final da queda faz-se sobre um enorme afloramento granítico que criou uma enorme parque de diversões aquático natural. Existem várias poças e escorregas naturais onde as pessoas se divertem. Por lá também encontramos vários moinhos, uns em melhor estado do que outros. O trilho faz-se por entre a vegetação das margens do rio, o que proporciona abrigo do sol nos dias mais quentes. As marcações dos trilhos na Galiza são feitas com marcas pintadas brancas e amarelas e encontramo-las facilmente ao longo do trilho. Também existem cafés ao longo do percurso que podem ser aproveitados para apreciar a tarde a ouvir o som da queda de água. O trilho é mesmo muito pequeno, cerca de 2.1 km, e por isso dá perfeitamente para fazer o percurso e ainda sobra muito tempo para aproveitar para dar um mergulho.

Ficam as fotos:

Moinhos_Barosa_01.JPG

Painel informativo junto à base da queda de água.

Moinhos_Barosa_02.JPG

Aspeto da chegada à zona da base da queda de água.

Moinhos_Barosa_03.JPG

As famosas quedas de água.

Moinhos_Barosa_04.JPG

O afloramento rochoso é enorme e proporciona várias zonas de escorregas naturais.

Moinhos_Barosa_05.JPG

Aspeto de uma parte do trilho com as marcações.

Moinhos_Barosa_06.JPG

Painel informativo do percurso, que curiosamente se encontra cerca de 500 m depois de iniciar o trilho, contudo, como o percurso é circular, pode ser iniciado em qualquer local.

Moinhos_Barosa_07.JPG

Seta informativas do percurso.

Moinhos_Barosa_08.JPG

Rapidamente abandonamos a confusão junto à zona de banhos desapareceu

Moinhos_Barosa_09.JPG

Um pequeno café/bar no percurso. O edifício é um antigo moinho.

Moinhos_Barosa_10.JPG

Moinhos_Barosa_11.JPG

A ponte de acesso a um parque de merendas do outro lado do rio estava em obras e não dava para atravessar. De qualquer forma, o trilho não seguia por ali.

Moinhos_Barosa_12.JPG

Uma peculiar travessia..

Moinhos_Barosa_13.JPG

A combinação entre a vegetação e a água cria locais lindíssimos.

Moinhos_Barosa_14.JPG

E rapidamente chegámos ao topo do percurso e iniciámos então a descida para o ponto de partida.

Moinhos_Barosa_15.JPG

Agora seguimos pela margem esquerda do rio.

Moinhos_Barosa_16.JPG

Moinhos_Barosa_17.JPG

Chegada ao parque de merendas que tínhamos visto da outra margem.

Moinhos_Barosa_18.JPG

O moinho foi-se, a mó ficou.

Moinhos_Barosa_19.JPG

Moinhos_Barosa_20.JPG

Moinhos_Barosa_21.JPG

Aqui ficaram as paredes, o teto desapareceu.

Moinhos_Barosa_22.JPG

Este moinho, já próximo da base da queda de água foi recuperado...

Moinhos_Barosa_23.JPG

... no entanto, não se encontra preparado para funcionar.

Moinhos_Barosa_27.JPG

Moinhos_Barosa_25.JPG

Moinhos_Barosa_27.JPG

Moinhos_Barosa_24.JPG

A vista superior para a parte final da queda de água.

Moinhos_Barosa_26.JPG

 

Moinhos_Barosa_28.JPG

 

Ficha técnica: 

Distância: cerca de 2.5 km

Tempo: 1 h (com muita calma)

Tipo: circular

Dureza física: 2/5 (pela subida inicial)

Dificuldade técnica: 1/5

Beleza do Percurso: 5/5

Marcação: n/a

Informações sobre o percurso: aqui

Outros sites de relevo: n/a

Panfleto oficial: n/a

Trilho GPX: wikiloc.pt

Ponto positivos: a queda de água, os moinhos e a vegetação

Pontos negativos: o excesso de visitantes no verão

 

Autoria e outros dados (tags, etc)



Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Instagram


Siga o darasola no Instagram

Instagram

Copyrights

A reprodução de todo ou qualquer texto, fotografia ou conteúdo é expressamente PROIBIDA sem autorização por escrito do autor. A reprodução não autorizada é punida por lei. O eventual uso de conteúdos deste blog deve ser SEMPRE acompanhado da referência ao mesmo (de preferência com link). Para contacto: dar.a.sola@sapo.pt

Facebook



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D