Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Nesta altura do ano, a Serra da Estrela é sinónimo de frio e neve, mas nem sempre é assim. A serra mais alta de Portugal continental é também um fantástico sítio para caminhar, em especial quando a serra se encontra pintada pelo colorido amarelo das carquejas em flor. Este pequeno percurso foi um passeio improvisado com base no PR6 de Manteigas, mas onde apenas foi percorrida uma pequena parte entre o alto da Torre e o Cântaro raso Passamos pela Nª Sra da Boa Estrela, subindo até ao Cântaro Raso de onde nos deliciámos com as vistas sobre o vale glaciar de Manteigas.

Estrela_torre_cantarro_raso_01.JPG

O ponto de partida no local mais alto de Portugal continental.

Estrela_torre_cantarro_raso_02.JPG

As antigas torres de vigia.

Estrela_torre_cantarro_raso_03.JPG

Apesar de ter sido no início de junho, ainda encontrámos vestígios de neve de um dos últimos nevões antes da chegada do verão.

Estrela_torre_cantarro_raso_05.JPG

A travessia da neve.

Estrela_torre_cantarro_raso_06.JPG

Olhando para trás.

Estrela_torre_cantarro_raso_07.JPG

Vista para o lago de Viriato.

Estrela_torre_cantarro_raso_08.JPG

Mais uma placa de neve.

Estrela_torre_cantarro_raso_09.JPG

Vista para a albufeira da barragem do Covão de ferro.

Estrela_torre_cantarro_raso_10.JPG

As ruínas de um edifício que ficou por concluir.

Estrela_torre_cantarro_raso_11.JPG

Seria um hotel ou seria algo ligado ao teleférico.

Estrela_torre_cantarro_raso_12.JPG

Descida em direção à estrada Torre - Nave de Stº António.

Estrela_torre_cantarro_raso_13.JPG

A torre já tinha ficado para trás.

Estrela_torre_cantarro_raso_14.JPG

Um prado natural

Estrela_torre_cantarro_raso_15.JPG

Uma nascente com a água a brotar do meio da rocha.

Estrela_torre_cantarro_raso_16.JPG

Junto à Sra da Boa Estrela, subimos pelo "corredor" lateral do lado esquerdo até ao topo.

Estrela_torre_cantarro_raso_17.JPG

Outra perspetiva.

Estrela_torre_cantarro_raso_18.JPG

Já no topo da rocha da escultura, com vista para a estrada.

Estrela_torre_cantarro_raso_19.JPG

Lá no alto, as duas cúpulas das torres no alto da serra.

Estrela_torre_cantarro_raso_20.JPG

Chegada ao Cântaro Raso.

Estrela_torre_cantarro_raso_21.JPG

No meio das mariolas.

Estrela_torre_cantarro_raso_22.JPG

As vistas são fabulosas.

Estrela_torre_cantarro_raso_23.JPG

No topo do mundo.

Estrela_torre_cantarro_raso_24.JPG

Vista para o vale glaciar de Manteigas.

Estrela_torre_cantarro_raso_25.JPG

Estou no topo do mundo.

Estrela_torre_cantarro_raso_26.JPG

Estrela_torre_cantarro_raso_27.JPG

Liberdade é isto.

Estrela_torre_cantarro_raso_28.JPG

Descemos do Cântaro raso em direção à estrada.

Estrela_torre_cantarro_raso_29.JPG

Seguimos pela berma da estrada.

Estrela_torre_cantarro_raso_30.JPG

Vista para o Cântaro Magro.

Estrela_torre_cantarro_raso_31.JPG

Com vista para o Covão cimeiro.

Estrela_torre_cantarro_raso_32.JPG

Chegada ao cruzamento da Torre.

Estrela_torre_cantarro_raso_33.JPG

Alguns turistas passeavam pelo teleférico na zona das pistas de neve...

Estrela_torre_cantarro_raso_34.JPG

... que estavam completamente despidas do manto branco que lhes dá vida.

 

Ficha técnica: 

Distância: cerca de 5.5 km

Tempo:  sem registo

Tipo: circular

Dureza física: 3/5

Dificuldade técnica: 3/5

Beleza do Percurso: 4/5

Marcação: n/a

Informações sobre o percurso: n/a

Outros sites de relevo: n/a

Panfleto oficial: n/a

Trilho GPX: n/a

Ponto positivos: a Torre, o Cântaro Raso, a figura da Nª Sra da Boa Estrela

Pontos negativos: n/a

 

Autoria e outros dados (tags, etc)



Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Siga o darasola no Instagram

Instagram

Copyrights

A reprodução de todo ou qualquer texto, fotografia ou conteúdo é expressamente PROIBIDA sem autorização por escrito do autor. A reprodução não autorizada é punida por lei. O eventual uso de conteúdos deste blog deve ser SEMPRE acompanhado da referência ao mesmo (de preferência com link). Para contacto: dar.a.sola@sapo.pt

Facebook



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D