Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

darasola

Percursos pedestres, caminhadas, pedestrianismo, trekking, trilhos, aventuras, viagens, passeios e descobertas!

darasola

Percursos pedestres, caminhadas, pedestrianismo, trekking, trilhos, aventuras, viagens, passeios e descobertas!

Passeio por Rio de Onor

09.04.10 | darasola

Esta não foi bem uma caminhada, mas antes um passeio ainda assim com cerca de 6km.

O propósito foi visitar/descobrir um lugar tão único como a aldeia de Rio de Onor, em pleno parque Montesinho, junto à fronteira com Espanha.

Esta é uma aldeia comunitária situada na raia, e como tal os habitantes ainda partilham bens e tradições como por exemplo o forno comunitário ou o boi de cobrição.

O rio de Onor que atravessa aldeia dá-lhe também o seu nome.

A Igreja de Rio de Onor.

Outra foto da mesma igreja.

Passagem pelo centro da aldeia.

Um pormenor de uma porta.

A aldeia faz parte da área do Parque Natural de Montesinho.

Sanabria é já ali ao lado...

... e Espanha está a alguns passos.

Um perspectiva diferente sobre Rio de Onor a partir da ponte antiga.

Gravado na fonte no centro da aldeia.

Mais uma ruela no centro da parte portuguesa da aldeia.

Este é o marco que delimita a fronteira entre Portugal e Espanha: aqui é Portugal...

... e aqui é Espanha! A parte espanhola é conhecida como Rihonor de Castilla.

A capela de Rihonor de Castilla.

A vista para a parte portuguesa, a partir da capela espanhola.

A primavera está a chegar em grande!

Do lado espanhol encontrei várias sugestões de percursos:

  • Caminada Real Sanabresa - Ruta de las Merinas
  • Ruta de los Judios - Camino medieval del norte
  • Camino de Santiago Sanabrés
  • Ruta del Quijote Cervante en Sanabria
  • Ruta de los Castros

Tudo boas sugestões, aposto!

voltámos ao lado português para seguir a parte inicial do percurso pedestre existente no local. É possível encontrar o mapa no site da câmara municipal de Bragança, no entanto alerto para o facto do percurso não estar sinalizado no local, pelo que é necessário saber ler um mapa.

Apenas fizemos a parte inicial para aquecer um pouco e apreciar as vistas para a aldeia...

... com vistas sobre as neves dos montes de Sanabria. Assim que o percurso cruzou a estrada, regressámos à aldeia.

No regresso, cruzámo-nos com esta senhora que tínhamos já encontrado no centro da aldeia. Disse qualquer coisa que parecia uma mistura de português e espanhol, talvez o tal dialecto da região que se está a perder, mas conseguimos perceber que nos perguntava se vínhamos a pé de Guadramil...

- Não minha senhora, que isso é longe...

E lá ficou ela a aquecer-se ao sol, nas suas vestes negras, sorrindo-nos na sua sincera simpatia...

E assim regressámos ao ponto de partida, junto ao parque de campismo municipal, junto à ponte nova.

Um pequeno percurso que deu para ficar com uma ideia desta singela aldeia, onde as tradições se vão mantendo... por quanto tempo?

 

Para além das minhas fotos, deixo aqui um link para o site Portugal360 onde podem ter uma visão panorâmica da aldeia.

Fica aqui a sugestão.

Boas caminhadas

Darasola

Blogs Portugal