Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

darasola

Percursos pedestres, caminhadas, pedestrianismo, trekking, trilhos, aventuras, viagens, passeios e descobertas!

darasola

Percursos pedestres, caminhadas, pedestrianismo, trekking, trilhos, aventuras, viagens, passeios e descobertas!

Viagem darasola - Norte de Itália - Milão - 7 locais a conhecer

24.07.19 | darasola

Esta é quase uma crónica de uma viagem que esteve para não acontecer, mas já lá vamos.

Italia_001.jpg

A cadeia alpina coberta de neve.

Há muito tempo que queria conhecer Veneza e Milão, mas a oportunidade ia tardando. Veneza é única e  apesar de termos a nossa "Veneza" portuguesa, e não querendo diminuir todo o seu encanto, as semelhanças entre Aveiro a Veneza são remotas. Mas Veneza é também o paradigma do excesso de turismo, as suas particularidades arquitetónicas tornam-na particularmente vulnerável ao turismo de massas, em particular aos cruzeiros que atracam no seu cais para "despejar" centenas e centenas de turistas diariamente. Sempre ouvi dizer que ou se amava ou se odiava Veneza e que era de fugir na altura do verão, mas nada como comprovar pessoalmente.

A viagem tinha sido marcada para o outono, final de outubro, e estava ansioso por chegar ao dia da partida, mas umas semanas antes, recebemos uma notícia inesperada: voo cancelado! Esta é daquelas notícias que ninguém quer receber, especialmente quando tudo está planeado: transfers marcados, alojamento reservado, bilhetes de entrada comprados! É o momento da desilusão, do desespero e da procura de informação online para tentar limitar as perdas. Felizmente existe ajuda na net, por exemplo, a AirHelp (https://www.airhelp.com) é um site que se dedica a ajudar os passageiros a defender os seus direitos. Para receber uma indemnização por voo cancelado com a AirHelp, basta preencher um formulário online e registar a reclamação.  Estas situações são infelizmente cada vez mais frequentes, primeiro porque há cada vez mais gente a viajar, mas também porque temos algumas empresas bem conhecidas dos portugueses no topo (ou ser melhor dizer TAP?!, ou ainda a Ryanair) do ranking de queixas por atrasos e voos cancelados. Apesar do transtorno e desilusão, a situação acabou por virar a nosso favor e conseguimos o reembolso do valor pago e ainda fomos indemnizados pelo inconveniente, o que nos permitiu ainda usufruir de uma viagem para outro destino, mas isso será outra história e outro post.

Mas voltemos à viagem. Veneza era o destino, mas aproveitamos para um pequeno interrail desde Milão, com passagem por Verona até Veneza. As ligações entre essas cidades é muito simples, sem necessidades de transbordo e acabou por ser a melhor opção para tirar o máximo partido da viagem.

Milão - 5 coisas a não perder em Milão

Italia_003.jpg

A fantástica fachada da Catedral de Milão - O Duomo

A maior parte das pessoas que conheço que tenham passado por Milão diziam sempre que 1 ou 2 dias eram suficientes para conhecer a cidade. Não sou muito adepto do turismo para "picar o ponto", mas somos muitas vezes condicionados pela falta de tempo,  por isso se não dá para ver tudo, é sempre útil conhecer os locais imperdíveis.

Milão é o Duomo!

Italia_099.jpg

A praça do Duomo repleta de gente.

O Duomo de Milão é uma das maiores catedrais góticas do mundo! A sua fachada marcada pelos pináculos impressionantes parecem esticar ainda mais o imponente edifício em direção aos céus.

Italia_005.jpg

Detalhes da fachada do Duomo

No interior, a altura do tecto das suas três naves e das paredes impressiona, tal como os padrões desenhados no chão de mármore.

Italia_008.jpg

Aspeto da nave central

Italia_007.jpg

Uma das naves laterais. Como nos sentimos pequenos perante a grandiosidade do local.

Italia_009.jpg

O chão de mármore é uma trabalho de mestre e parece um rendilhado gigantesco!

É possível subir aos seus terraços para uma perspetiva especial sobre a cidade e a enorme praça diante de si: a Piazza del Duomo.

Italia_010.jpg

É o local a não perder em Milão!

A atenção de quem está na Piazza del Duomo fica sempre cativada pela imponência da catedral, mas logo à sua esquerda, um outro edifício chama a atenção por uma característica pouco habitual: uma arcada gigante inserida num arco de triunfo que marca a sua fachada.

Italia_006.jpg

Aspeto exterior da entrada das galerias.

As Galerias Vittorio Emanuele II são conhecidas como o salão de Milão e são o shoppping mais famoso da cidade.

Italia_011.jpg

Um vislumbre para o interior e o texto de vidro e metal.

Italia_012.jpg

A sua arquitetura com o tecto alto de ferro e vidro típicos do Séc XIX valem bem o desvio.

Italia_095.jpg

É aqui que encontram grande parte das marcas mais conhecidas do mundo e mesmo que não tenham dinheiro para as compras, vale a pena  apreciar as montras.

Italia_096.jpg

O castelo Sforzesco é uma enorme fortaleza situada na entrada do Parque Sempione e impressiona pela sua dimensão e particularidades como a Torre del Filarete, o enorme pátio interior ou as torres laterais arredondadas.

Italia_094.jpg

Italia_093.jpg

Diante da entrada principal do castelo, encontramos um enorme fonte.

Italia_015.jpg

Na noite anterior, encontrava-se encontrava praticamente gelada.

Italia_091.jpg

O imponente pátio interior dominado pela enorme torre circular.

Italia_092.jpg

Aspeto da fachada posterior.

Depois de atravessar o castelo e o seu enorme parque, estamos em pleno Parque Sempione, um agradável espaço onde os milanezes aproveitam para passear, fazer desporto ou simplesmente conviver.

Italia_088.jpg

Atravessámo-lo até chegarmos ao Arco della Pace (Arco da Paz), um monumento erigido em honra de Napoleão Bonaparte.

Italia_089.jpg

Italia_090.jpg

Deixamos Milão por comboio a partir da estação Milano Centrale, um fantástico e imponente edifício, onde apanhámos a ligação até Verona.

Italia_018.jpg

A viagem passou rapidamente a admirar as paisagens italianas cobertas de neve. Também foi simples e acessível obter informações no site www.trenitalia.pt e comprámos os bilhetes na hora na estação sem qualquer problema. Mas a continuação fica para o próximo post.

Boas caminhadas e boas viagens.

PS: Quer descobrir outras viagens darasola? Porque não à Croácia e os lagos do Parque Plitvice ou ainda ao Caminito Del Rey, no sul de Espanha?

darasola

 

Blogs Portugal