Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

darasola

Percursos pedestres, caminhadas, pedestrianismo, trekking, trilhos, aventuras, viagens, passeios e descobertas!

darasola

Percursos pedestres, caminhadas, pedestrianismo, trekking, trilhos, aventuras, viagens, passeios e descobertas!

Quinta da Aveleda [Penafiel]

13.10.13 | darasola

 Esta visita vinha sendo adiada havia já quatro anos, mas finalmente proporcionou-se a oportunidade de conhecer a Quinta da Aveleda, em Penafiel. Esta quinta é o berço da empresa familiar que se tornou o maior exportador nacional de vinho verde, com marca tão conhecidas como o "Casal Garcia". Possui uma loja própria, onde podem ser adquiridos os bilhetes para a visita à quinta (3,5€). O trajeto dura cerca de uma hora e leva-nos a percorrer os jardins, descobrindo vários espécimes de interesse, como sequóias e um eucalipto com mais 100 anos. Descobrimos várias construções particulares como a janela manuelina (Séc. XVI), a torre das cabras, a casa do chá, a fonte das quatro irmãs, e acima de tudo, a casa e capela da família. A visita ainda proporciona a entrada na adega onde se envelhece a aguardente velha e no final, podemos também ter uma prova do queijo produzido na quinta e dois tipos de vinho (corresponde a uma extra na visita - contar com mais 1€).

Ficam as fotos do percurso:

Loja da quinta, situada à entrada.

o interior.

Vinhos da marca Aveleda.

O famoso Casal Garcia.

São vários os edifícios completamente cobertos de vegetação, o que lhes confere uma beleza própria.

Visita à sala de engarrafamento.

Exposição no átrio da visita à sala de engarrafamento.

Fotos antigas da quinta.

Depois, dá-se início à visita dos jardins, caraterizados pela beleza verdejante e por vários pontos de água.

Chegando ao eucalipto centenário.

No local, existe um painel com uma foto da família Guedes, neste preciso local, em 1813. E a árvore já era grande!

Caminho na quinta.

A casa do guarda, com a sua construção romântica a lembrar as histórias dos contos de fadas.

Outra casa próxima. Segundo o guia, esta casa era reservada aos noivos da família, para passarem a noite de lua de mel.

Outra perspetiva da casa.

A original torre das cabras.

Uma construção sem dúvida original.

Estávamos a ser observados!

Janela manuelina. Segunda dizem, terá sido a partir desta janela que D. João IV terá sido aclamado rei de Portugal.

A vista sobre o lago da quinta.

A casa do chá.

Embora o interior seja um pouco mórbido...

... a parte exterior e o local onde a casa se encontra é lindíssimo.

Uma casa de contos de fadas.

Um pórtico antigo que também foi levado pela família Guedes para a quinta.

A fonte de N. Sr.ª da Vandoma.

A vista para o lindíssimo relvado. Segundo o guia, é aqui que se realizam as cerimónias de casamento da família.

o relvado e a fonte ao fundo.

Chegada à casa da família, com a fonte das quatro irmãs em 1º plano.

Uma construção lindíssima e imponente.

A capela da família contígua à casa.

Mais um pequeno lago..

... ao fundo, a casa dos patos.

Até os patos vivem bem!

Visita à adega onde envelhece a aguardente velha.

O corredor interior com os pipos onde envelhece o precioso líquido.

A caminho do edifício das provas.

Foi nesta varanda espetacular que tivemos oportunidade de saborear o queijo e vinho local.

Uma varanda com vista para a vinha, de onde não apetecia sair.


Ficha técnica: 

Distância: pouco mais de 1 km

Tempo: 1h +/- (sem contar o tempo da prova)

Tipo: circular

Dureza física:

Dificuldade técnica:

Beleza do Percurso:

Marcação: n/a

Informações sobre o percurso: aqui

Outros sites de relevo:

Panfleto oficial: n/a

Trilho GPX: n/a

Ponto positivos: a beleza do jardim e das construções da quinta

Pontos negativos: o preço ?

 

Boas caminhadas

darasola

Blogs Portugal

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.