Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

darasola

Percursos pedestres, caminhadas, pedestrianismo, trekking, trilhos, aventuras, viagens, passeios e descobertas!

darasola

Percursos pedestres, caminhadas, pedestrianismo, trekking, trilhos, aventuras, viagens, passeios e descobertas!

Lagoa do Fogo [S. Miguel - Açores]

25.10.13 | darasola

A visita aos Açores e aos seus trilhos era um desejo antigo que finalmente pôde concretizar-se. E esta foi a primeira de várias caminhadas feitas neste maravilhoso arquipélago, todas elas na ilha de S. Miguel. Inicialmente, tinha pensado fazer o percurso marcado da lagoa do fogo, o PRC2SMI - Praia - Lagoa do Fogo, no entanto por ser linear e com 12 km de extensão e visto querermos aproveitar para conhecer a ilha, acabámos por colocar essa opção de lado. Decidimos conhecer a zona e de carro e chegamos inesperadamente a um belo miradouro. Dali, vimos vários grupos a descer por um carreiro até ao nível da lagoa, onde se encontravam algumas pessoas a fazer praia. Não resistimos à beleza da lagoa (a mais bela das que vi em S. Miguel) e decidimos ir à descoberta do trilho, que parecia relativamente fácil e nos levavam a um local nunca antes explorado: a cratera de um vulcão. A descida inicial (e subida final) é bastante íngreme e com o calor que se fazia sentir o regresso foi bem suado, mas a descoberta da perspetiva no centro de uma cratera e a beleza da vegetação superaram qualquer dificuldade. Acabamos por percorrer cerca de 4 km ao sabor das fotografias ao local.

Ficam as fotos:

Vista do miradouro da Barrosa.

A vista do miradouro do início da descida. As cores e a paisagem são espetaculares.

Início do trilho.

Mal se notam as pessoas a descerem entre a vegetação.

Muita gente a descer / subir pelo trilho.

Existem degraus improvisados ao longo do percurso.

Já dentro da caldeira, ao nível da água da lagoa.

Paisagem fabulosa.

Existem vestígios de uma construção, que não foi possível identificar.

A vegetação no interior da cratera.

Pessoas a fazer praia.

A praia da lagoa estende-se a perder de vista. Infelizmente, não fomos até ao seu término. Ficou a dúvida se seria possível fazer a volta completa da cratera.

Já de regresso, na subida que apesar de ter apenas 600m é suficiente para obrigar a paragens.

Os pitorescos degraus do trilho. Apesar de ser acessível e de termos visto família completas a percorrê-lo, achei que algumas zonas poderiam revelar alguns perigos no caso de tropeçar. Com efeito, o declive ainda é acentuado, por isso convém ter cuidado.

Ficha técnica: 

Distância: cerca de 4 km

Tempo: 1h30 +/- (contando com paragens para fotos e contemplação)

Tipo: linear

Dureza física:

Dificuldade técnica:

Beleza do Percurso:

Marcação: n/a

Informações sobre o percurso: n/a

Outros sites de relevo:

Panfleto oficial: n/a

Trilho GPX: wikiloc darasola

Ponto positivos: a beleza natural de todo o cenário

Pontos negativos: a subida e o perigo nos degraus irregulares

 

Boas caminhadas

darasola

Blogs Portugal

1 comentário

Comentar post