Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Inserido numa obra que visa a requalificação das margens do rio Ave no município da Trofa, o Parque das Azenhas acabou envolvido numa polémica local devido à inauguração prematura, pois, por questões aparentemente eleitorais, o município não esperou pela conclusão das obras (que entretanto ficaram paradas) para "abrir" o local à população. Atualmente, alguns acessos surgem vedados e com informação acerca da zona estar em obras, no entanto as população locais frequentam regularmente o local, indiferentes às politiquices que acabaram por manchar uma iniciativa e um local com bastante potencial, isto apesar da poluição do rio.

Com este post, não pretendo de todo incentivar o desrespeito pela sinalização e a informação relativamente ao local, apenas se pretende dar a conhecer o aspeto do local e o seu potencial, ficando à responsabilidade de cada um a decisão de ir, ou não, ao local.

Margens rio Ave Trofa 01.JPG

Aspeto do passadiço junto à azenha existente a meio do percurso.

Margens rio Ave Trofa 02.JPG

Margens rio Ave Trofa 03.JPG

Margens rio Ave Trofa 04.JPG

Noutra zona, o piso é de alcatrão. É visível a falta de manutenção da vegetação do local, o que é compreensível pelo facto do local não estar oficialmente "disponível".

Margens rio Ave Trofa 05.JPG

Margens rio Ave Trofa 06.JPG

Margens rio Ave Trofa 07.JPG

Seguindo para a zona a jusante, alguns passadiços já perderam algumas tábuas (provavelmente fruto das inundações frequentes no rio Ave) e representam perigo para quem ali andar. Recomenda-se prudência.

Margens rio Ave Trofa 16.JPG

Margens rio Ave Trofa 17.JPG

Margens rio Ave Trofa 15.JPG

Margens rio Ave Trofa 08.JPG

Mais adiante, as obras nunca chegaram a realizar-se.

Margens rio Ave Trofa 09.JPG

Margens rio Ave Trofa 10.JPG

O local é frequentado principalmente por pescadores.

Margens rio Ave Trofa 11.JPG

A zona tem bastante potencial. Em dias de bom tempo, as margens do rio são muito agradáveis.

Margens rio Ave Trofa 12.JPG

Margens rio Ave Trofa 13.JPG

Na parte à montante, o percurso termina junto às pontes ferroviárias, uma desativada e outra em funcionamento.

Margens rio Ave Trofa 14.JPG

parque-das-azenhas-site.jpg

Para mais informações, podem clicar na imagem acima para aceder à página do facebook do parque.

 

Ficha técnica: 

Distância: cerca de 4km

Tempo: sem registo

Tipo: linear

Dureza física: 1/5

Dificuldade técnica: 1/5

Beleza do Percurso: 2/5

Marcação: n/a

Informações sobre o percurso: n/a 

Outros sites de relevo: n/a 

Panfleto oficial: n/a

Trilho GPX: wikiloc

Ponto positivos: as azenhas e a beleza das margens do rio Ave

Pontos negativos: a polémica e o facto das obras estarem abandonadas, com algum perigo

 

Boas caminhadas

darasola

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

A requalificação urbana de várias cidades portuguesas têm devolvido às populações áreas que lhe estavam muitas vezes vedadas, transformando-as em zonas de lazer e ótimas para atividades ao ar livre. Em Santo Tirso, essa iniciativa teve o mérito de criar o passeio pedonal e ciclista ligando a zona da antiga estação de comboio à parque urbano da Rabada, num percurso com cerca de 1,4 km, bem agradável em dias de sol. Esta sugestão acaba por ser mais de um passeio do que uma caminhada "a sério", mas proporciona sem dúvida um bom momento.

Vista do espelho de água a partir da ponte sobre o rio.

O percurso passando debaixo da ponte.

Vista para uma ramada antiga do outro lado do rio.

Pescadores desportivos ao longo das margens.

Espelhos de água ao longo de todo o trajeto.

O percurso tinha muita afluência de pessoas que por ali andavam a passear em família.

Chegada ao parque da Rabada.

Ao longo do parque podem observar-se várias obras de arte moderna resultado do Simposio Internationnal de Escultura que, de dois em dois anos, recebe artistas de todo o mundo.

Anfiteatro ao ar livre.

Projeto de ampliação do parque com a construção de uma área desportiva, cujas obras estão a decorrer.

Várias obras de arte.

O parque junto às margens do rio.

O início (ou fim) do passeio junto ao parque da Rabada.

"Em 2011, só no distrito do Porto, foram sinalizadas mais de 6000 crianças em perigo"!

O rio com o refloxo do entardecer.

Miradouro sobre o rio.

Os pescadores eram mesmo profissionais!

Santo Tirso à vista.

Vista para o Mosteiro de S. Bento.

Regresso ao ponto de partida.

O percurso termina junto à antiga estação de comboios e a alguns armazéns em ruínas. Pena não continuar mais para além deste ponto. Talvez um dia.

 

Ficha técnica: 

Distância: cerca de 4 km

Tempo: 1h (+/-)

Tipo: linear

Dureza física:

Dificuldade técnica:

Beleza do Percurso:

Marcação: não se aplica

Informações sobre o percurso: n/a

Outros sites de relevo: n/a

Panfleto oficial: n/a

Trilho GPX: n/a

Ponto positivos: os espelhos de água sobre o rio Ave, o Mosteiro de S. Bento, o parque da Rabada

Pontos negativos: n/a

Autoria e outros dados (tags, etc)

Blogs Portugal



Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Instagram


Siga o darasola no Instagram

Instagram

Copyrights

A reprodução de todo ou qualquer texto, fotografia ou conteúdo é expressamente PROIBIDA sem autorização por escrito do autor. A reprodução não autorizada é punida por lei. O eventual uso de conteúdos deste blog deve ser SEMPRE acompanhado da referência ao mesmo (de preferência com link). Para contacto: dar.a.sola@sapo.pt

Facebook



Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2007
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2006
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D